Home PageMapa do SiteImprimir

Agir

segunda, 02 abril 2012 13:43

Apelo Global por um mundo mais seguro

Em 2003 a Amnistia Internacional lançou a campanha Controlar as Armas.
Apelamos à criação de um Tratado de Comércio de Armas a nível global que estabeleça normas rigorosas de transferências internacionais de armas e responsabilize fornecedores e comerciantes de armamento.

 
quarta, 02 março 2011 00:00

Médio Oriente/Norte África: é urgente impedir o fornecimento de armas usadas contra os manifestantes

alt(AÇÃO ENCERRADA)

A violência na Líbia, onde centenas de pessoas foram mortas, incluindo os manifestantes que exerciam o seu direito de liberdade de expressão, associação e reunião, está a tornar-se numa grave crise de direitos humanos.

Em várias regiões do Médio Oriente e do Norte de África, onde se inclui a Líbia, centenas de milhares de pessoas foram para as ruas nestas últimas semanas para exigir uma reforma política e mais direitos humanos nos seus países.

Em muitos casos, as autoridades de segurança e as forças armadas responderam com violência ao matarem e ferirem os manifestantes, particularmente na Tunísia, no Egito, no Bahrein, no Iémen, no Irão, no Iraque e na Líbia, através do uso de bombas de gás lacrimogéneo, balas de borracha e munições.

 

Pág. 1 de 2