Home PageMapa do SiteImprimir

Notícias

quarta, 09 novembro 2016 11:40

Retórica venenosa não pode tornar-se na política de governação nos EUA

SiteFOTOeuaeleicoesTrumpFace ao apuramento dos resultados da eleição de Donald Trump como próximo Presidente dos Estados Unidos, esta quarta-feira, 9 de novembro, a Amnistia Internacional alerta que a retórica venenosa que marcou a campanha não pode tornar-se na política de governação no país e as obrigações de direitos humanos têm de ser reafirmadas e cumpridas, tanto a nível interno como externo.

 
quinta, 13 outubro 2016 13:40

Três prioridades de direitos humanos para os últimos 100 dias de presidência Obama nos EUA

SiteFOTOeua100diasObamaTresPrioridadesAo entrar-se nos últimos 100 dias de presidência de Barack Obama nos Estados Unidos, a Amnistia Internacional lança uma nova campanha para que o chefe de Estado norte-americano concretize três marcantes prioridades de direitos humanos antes de terminar o mandato: fechar a prisão de Guantánamo, suspender todas as vendas de armas a países que as usam para cometer crimes de guerra e outras violações de direitos humanos, e prestar proteção a quem foge da violência na América Central.

 
terça, 11 outubro 2016 11:55

Académico da minoria chinesa uigur é o vencedor do Prémio Martin Ennals

SiteFOTOpremioMartinEnnals2016uigurO reputado académico da minoria chinesa uigur Ilham Tohti é o laureado deste ano do Prémio Martin Ennals, atribuído por um júri formado por dez organizações não-governamentais internacionais, do qual faz parte a Amnistia Internacional. Este galardão visa não apenas reconhecer o profundo compromisso do premiado na defesa dos direitos humanos e os enormes riscos pessoais que enfrenta no desenvolvimento desse trabalho, mas também alertar para a necessidade de proteção internacional.

 
sexta, 07 outubro 2016 14:18

Prémio Nobel da Paz mostra que a Colômbia não pode fechar a porta às esperanças de paz com justiça

SiteFOTOnobelPazPresidenteColombiaA atribuição do prémio Nobel da Paz de 2016 ao Presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, sublinha a expetativa de que os colombianos irão perseverar na busca pela paz com justiça, avalia a Amnistia Internacional em reação ao anúncio feito esta sexta-feira, 7 de outubro, pelo comité norueguês.

 
segunda, 03 outubro 2016 10:23

Chegou a hora para a UE erradicar o comércio da tortura

SiteFOTOtorturaComercioRegulamentoUE

 

O Parlamento Europeu tem de aprovar medidas para fortalecer a histórica regulação da União Europeia (UE) no combate ao comércio de equipamento e instrumentos que possam ser usados em práticas de tortura, para infligir maus-tratos ou executar pessoas, instam a Amnistia Internacional e a Omega Research Foundation, em vésperas do debate e voto crucial esta terça-feira, 4 de outubro, na assembleia europeia, das últimas emendas ao Regulamento (Council Regulation, EC) 1236/2005 sobre o comércio de tortura, já validadas pelo Conselho Europeu.

 
quinta, 29 setembro 2016 12:30

Provas credíveis de uso de armas químicas contra civis pelas forças governamentais sudanesas no Darfur

SiteFOTOdarfurArmasQuimicasJebelMarra

 

Nova investigação da Amnistia Internacional recolheu provas sólidas de um uso repetido por parte das forças governamentais do Sudão de armamento químico contra civis, incluindo crianças, numa das mais remotas regiões do Darfur ao longo dos últimos oito meses.

 
sexta, 09 setembro 2016 10:28

Blogger preso preventivamente na Rússia por jogar Pokémon numa igreja tem de ser imediatamente liberto 

A detenção preventiva do blogger russo Ruslan Sokolovski, após ter publicado nas redes sociais um vídeo onde aparece a jogar Pokémon Go numa catedral de Iekaterinburg, nos montes Urales, constitui um ataque ridículo à liberdade de expressão na Rússia, avalia a Amnistia Internacional.

 
quinta, 01 setembro 2016 17:00

Ativistas ambientais nas Honduras e Guatemala defendem a terra com o próprio sangue e a vida

 

Uma vaga insidiosa de ameaças, acusações falsas e campanhas de difamação, ataques e assassinatos de ativistas ambientais e que defendem o direito à terra nos meses mais recentes nas Honduras e na Guatemala tornaram estes dois países nos mais perigosos em todo o mundo para aqueles que protegem os recursos naturais, alerta a Amnistia Internacional num novo relatório, publicado seis meses após o homicídio brutal da líder indígena hondurenha Berta Cáceres.

 
quarta, 31 agosto 2016 16:12

Libertação de ativistas pró-democracia no Congo é motivo de celebração

A libertação de quatro ativistas pró-democracia na República Democrática do Congo (RDC) – incluindo os prisioneiros de consciência Fred Bauma e Yves Makwambala – é motivo de celebração, mas estas pessoas permanecem em risco de voltarem a ser presas a não ser que as acusações que lhes formularam sejam anuladas, alerta a Amnistia Internacional.

 

Pág. 6 de 76